ATENÇÃO SITE MELHOR VISUALIZADO NO CHROME OU FIREFOX

O que você procura?

Relâmpagos de Sangue - Nelson Magrini

Olá amigos^^
A dica de hoje é de um livro que li e que me deu uma boa dose de medo. Tem coisa melhor do que ler e sentir um medinho básico, daqueles que no meio da leitura algum barulho te assusta? Pois é, esse é um livro assim. Escrito por Nelson Magrini que também já escreveu Anjo a Face do Mal, este livro promete conquistar quem o ler.
Abaixo a sinopse para sentir um gostinho do que está prestes a acontecer dentro deste mundo criado por Nelson Magrini.
Desde quando ela estava tendo aquelas visões? Não sabia de um modo exato, não tinha certeza. Acreditava que tudo havia começado após a viagem de quinze dias que fizera há pouco mais de um mês, mas ela não podia jurar. Na realidade, não se lembrava. E por estranho que fosse, havia várias outras coisas que ela não se recordava, e os lapsos de memória também começaram após aquela viagem. Ela não sabia dizer que coisas eram; apenas sabia que eram importantes e que estavam em sua memória, muito perto, mas não conseguia acessá-las. Estavam lá, mas eram fugidias, toscos espíritos que pareciam flutuar sem rumo, ao redor de sua mente, zombando dela, zombando de sua sanidade e de seu medo. Ela apenas sabia que tinha medo, e esse medo, não tinha dúvidas, era real.Sara aproximou-se novamente da janela, olhando para fora. A chuva continuava a castigar sem piedade. Um relâmpago iluminou a sala e, imediatamente, seguiu-se um trovão fortíssimo, que fez com que as paredes estremecessem mais uma vez. Sara tremeu, sentindo um pavor ainda mais intenso, apoiando-se no batente próximo para não cair. Porém, desta vez, não fora o estrondo do trovão que a assustara, ou a fúria das águas; fora o relâmpago, um relâmpago diferente e, por tudo que ela conhecia e sabia, não podia existir. Sara olhou suas mãos trêmulas. Apesar de tudo, ela tinha certeza de que agora não estava tendo uma visão, sabia que era real. Um relâmpago diferente, um relâmpago vermelho, igual a sangue. E ela podia jurar que sussurrava seu nome.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Deixe seu comentário e volte assim que possível para ler a resposta^^