ATENÇÃO SITE MELHOR VISUALIZADO NO CHROME OU FIREFOX

O que você procura?

INDIGNAÇÃO TOTAL!

Olá amigos,

sempre que escrevo aqui é para dar uma dica de leitura, algo para fazer bem, divertir. Algo para estimular a leitura de vocês. Infelizmente hoje não vou falar de uma dica de leitura. Estou aqui para expressar a minha mais profunda indignação pelo que aconteceu com duas pessoas que admiro muito, uma delas, Kizzy Yzatis, eu já conheço há alguns anos e já bati bons papos com ele, inclusive já falei dele aqui no blog algumas vezes, a outra é a Liz Marins, filha do José Mojica Marins (conhecido por interpretar o personagem Zé do Caixão e ser um dos pioneiros do cinema nacional).


Fiquei completamente chocada ao saber que Kizzy e Liz foram agredidos pelos seguranças da casa noturna Lôca na madrugada do dia 4/09 e segundo a Liz, o Kizzy foi violentamente agredido por 4 seguranças de um só vez e a Liz foi imobilizada violentamente por mais um segurança.


Sabe o que é pior nisso tudo, ambos comemoravam o aniversário de Liz e nenhum deles é violento, muito pelo contrário, são pessoas educadíssimas e muito gentis. Quem já se viu ser agredido por pessoas que justamente tem a função de ajudar a evitar os problemas? Isso é o que dá essas casas noturnas saírem contratando pessoas sem qualquer preparação psicológica para lidar com o público.
Agora o Kizzy está hospitalizado e muito machucado! Seu rosto estava muito ferido, segundo a foto colocada no site o Globo, que não coloco aqui por respeito ao querido Kizzy, que não merece essa divulgação negativa de sua imagem.


Meus queridos amigos que lêem esse blog, um conselho: evitem ir a esses lugares assim, pois se essa covardia ocorreu com duas pessoas famosas do meio cultural, pode também ocorrer com vocês.
Infelizmente nesse mundo desvairado a gente nem pode mais curtir uma balada em paz! Se não corremos o risco de ser assaltados, corremos o risco de ser espancados!

Diante de tanta indignação eu peço aqui para todos os amigos que lêem este blog que não importa a sua crença, rezem pelo nosso amigo Kizzy para que ele melhore e não fique com seqüelas. Rezem para que ele e a Liz tenham justiça!




Abaixo transcrevo a matéria que saiu nos sites O Globo e Redevampyrica:


Nesta última madrugada do 4 de setembro Liz Marins (cineasta e atriz que interpreta a personagem Liz Vamp e é a fundadora do Dia dos Vampiros, uma importante campanha humanitária) e o escritor Kizzy Ysattis (autor de Clube dos Imortais entre outros livros) foram agredidos por seguranças do clube “Lôca” aqui em São Paulo - ao final da comemoração do aniversário da cineasta celebrado lá, junto a alguns amigos e amigas - quando a maior parte deles já não estavam mais presentes.
Foi um verdadeiro ato criminoso de brutalidade gratuita e que revela odespreparo de integrantes da equipe de segurança e de integrantes da própria gerência da casa - no trato com o seu público.Uma atrocidade sem tamanho, que desfigurou sevéramente a face de Kizzy e feriu corporalmente a cineasta Liz Marins.
O pai de Liz, José Mojica Marins (conhecido por interpretar o personagem Zé do Caixão e ser um dos pioneiros do cinema nacional) manifestou sua indignação com o ocorrido e alegou publicamente que a agressão lhe recordou os tempos da ditadura.Ele acredita que se tivesse estado presente no evento, tal fato triste não teria acontecido. (Recentemente ele foi passou por uma delicada cirurgia, e por ordens médicas não podia sair de casa)






O estado de saúde de Kizzy já encontra-se estabilizado e aparentemente fora de perigo - embora ainda precise aguardar a opinião de médicos especializados e a alta do hospital onde está internado desde a agressão.Segundo foi contado por Liz, ele ainda tem dificuldades para abrir um dos olhos e perdeu alguns dentes - e está muito ferido corporalmente.
“Atos de covardia como este que sofremos, precisam ser denunciados e punidos por lei - tanto por quem foi vítima da violência, como também por aqueles que testemunharam tamanha bárbarie.Hoje fomos nós, amanhã pode ser você.” conta a cineasta Liz Marins.
“Tamanha violência vai contra tudo aquilo que defendo publicamente.Todos os anos realizo o
Dia dos Vampiros que é uma campanha que além do incentivo a doação de sangue tem como bandeiras públicas o combate ao preconceito, incentivo a diversidade e a produção cultural alternativa.Na hora, mal podia acreditar, que eu e meu amigo havíamos sido atacados com tamanha violência naquele local, onde sempre fui muito bem recebida e encontrava pessoas que simpatizavam com as idéias que defendo publicamente.”…”defendí meu amigo, como defenderia qualquer pessoa num momento como aquele.”complementa Liz Marins.
Infelizmente tamanha atrocidade foi cometida ao final do festejo do aniversário da cineasta, atriz e escritora quando seus convidados e amigos já haviam ido embora.Liz não sente-se a vontade e nem cultiva a fama de “baladeira” - saindo pouco para eventos e baladas assim devido a suas múltiplas ocupações profissionais.



Nós do Rede VAMP conhecemos a presença de espírito e a força pessoal de Liz Marins e temos certeza que logo ela estará recuperada e na ativa novamente.




Recentemente ela organizou mais uma edição do Dia dos VampiroS com o Cortejo dos VampiroS, participou de diversos programas de tv defendendo as causas e bandeiras do dia - e esteve presente na matéria do programa Mulheres exibido na última terça-feira.
SOBRE A CASA: A “Lôca” era uma respeitada e tradicional casa que recebe uma grande variedade de públicos desde apreciadores da música alternativa, do poprock e da cena GLBT paulistana - ao longo desta década.Até esta data, a casa cultivava uma imagem de segurança e de tolerância, de incentivo as artes e sempre teve intenso engajamento cultura.
No entanto, a partir do instante em que mantêm em seu quadro de funcionários, agressores e criminosos que covardemente e em grupo cometem um ato de violência desta envergadura contra alguém - a imagem da casa, do ambiente e dos seus produtores, ficou sevéramente abalada frente a todo público.E indignação é muito pouco para descrever o que é sentido neste momento…



O ato de violência de funcionários da casa contra o escritor Kizzy Ysattis e com a cineasta Liz Marins - não deve passar impune perante a sociedade e nem perante qualquer pessoa que tenha um mínimo de bom senso e de sensibilidade.


Se ontém duas pessoas engajadas com a produção cultural foram agredidas covardemente por integrantes da equipe da casa - os próximos a serem agredidos podem ser outros frequentadores.


A INDIGNAÇÃO TOMA CONTA DA CENA: Desde o amanhecer desta sexta feira quatro de setembro os diversos apreciadores dos trabalhos de Liz Vamp e de Kizzy vem utilizando os meios digitais como Orkut, Twitter, Blogs, Messengers e tantos outros - como importante ferramenta de denúncia e conscientização para a bárbarie ocorrida para com os dois amigos e renomados produtores culturais.Escritores, leitores, integrantes da Subcultura Vampyrica, produtores culturais e muitos outros estão bastante ativos e não deixarão tamanha violência ser esquecida ou ficar impúne.Até o presente momento, o clube “Lôca” permanece esquivo e ausente de depoimentos sobre o ocorrido.

7 comentários:

  1. Meu Deus a que ponto chegamos!
    Eu não conheço este casal, mas presto aqui a minha total solidariedade para eles. Que ambos fiquem bem e continuem teus caminhos.

    ResponderExcluir
  2. Informações transmitidas por Claudio Brites, às 11:48 da manhã de sábado.

    ==============

    [Kizzy] está indo fazer corpo de delito. Não está mais no hospital.
    Está bem. A parte interna da cabeça está intacta. Houve traumatismo craniano na testa que agora tem uma fissura. Haverá acompanhamento.
    [Já foram indicados] alguns nomes de peso na proteção dos direitos humanos [...]para ajudar no caso.
    As matérias nos jornais atenuaram a violência hoje, como se tivesse sido um simples revide, briga de rua. E não foi.
    Mas vai dar tudo certo, a pior parte já foi.

    ==============

    beijos a todos, e não deixemos o episódio ser esquecido.
    Martha

    ResponderExcluir
  3. Olá, vi essa notícia e fiquei totalmente passada!
    Tadinho do rapaz! Vou torcer para que suas feridas externas se curem logo.
    Agora as internas (as que ficam na alma) essas são mais difíceis de cicatrizar, pois uma coisa dessas nunca se esquece. Espero que seja feita justiça quanto a essa situação!

    ResponderExcluir
  4. Q horror!!

    Q mundo é esse!!?

    Tomara q eles fquem be,

    ResponderExcluir
  5. Isso é um absurdo, onde vamos parar?
    Seguranças que fazem papéis de carrascos!
    Essa casa Lôca é na Frei Caneca, se tem um lugar que nunca irei será lá!

    ResponderExcluir
  6. Melhoras para o Kizzy e só lamento pelos seguranças, por que o que é deles está guardado. Com certeza justiça será feita e eles serão presos!

    ResponderExcluir

Olá! Deixe seu comentário e volte assim que possível para ler a resposta^^